10 dicas sobre como corrigir travamentos do servidor

10 dicas sobre como corrigir travamentos do servidor

janeiro 15, 2020 0 Por Consultoria Ciclum

A realidade hoje é de dependência de servidores. Se você tem uma empresa ou trabalha em uma empresa de pequeno, médio ou grande porte, você certamente sabe a importância que um servidor interno tem. A empresa depende do bom funcionamento do servidor para continuar operando. E é justamente por isso que o servidor não pode travar, para que você não sofra prejuízos.

Existem algumas coisas que explicam o travamento de servidores, todavia, os motivos são sempre os mesmos. Às vezes pode ser uma única razão, mas também pode ocorrer por uma combinação de razões. Inclusive é possível até categorizar os travamentos. Tais como:

  • Travamento normal: quando você esta fazendo alguma coisa, independente do que seja, e o computador trava e precisa ser reiniciado.
  • Travamento aleatório: quando os travamentos começam a ser mais frequentes e sem motivo.
  • Congelamento genérico: quando o computador trava, porém logo retorna ao seu funcionamento.
  • Congelamento causado por um aplicativo: quando o computador trava em detrimento a um aplicativo ou programa específico.

Agora que você já sabe um pouco sobre travamentos, vamos ver 10 medidas que você precisa tomar tanto para corrigir quanto para evitar novos travamentos do servidor. Vamos lá?

  1. Cuidado com a quantidade de aplicativos e programas rodando simultaneamente

Podemos até mudar o título para “muitos processos” ocorrendo ao mesmo tempo. O fato é que, por mais que um computador tenha a premissa de ser multitarefa, e mesmo que o seu servidor em questão seja muito potente, sempre haverá um limite. Se o servidor estiver rodando muito mais processos do que ele é capaz, o travamento é inevitável. Por isso, saiba qual é o limite.

  1. Cuide do seu disco rígido

O disco rígido, popularmente conhecido como a HD, é uma peça de hardware fundamental para o desempenho do seu servidor. Se ela estiver danificada ou ultrapassada na questão do espaço que ela é capaz de oferecer, você certamente terá problemas com travamento, principalmente quando você estiver fazendo operações de atualização de software.

  1. Não negligencie as atualizações do sistema operacional

Às vezes os travamentos podem ocorrer por falhas no seu sistema operacional. Bem, primeiramente, não acho que seja necessário enfatizar que a cópia do seu sistema deve ser original, não é? E depois, sendo ela original, nunca deixe de fazer as atualizações automáticas. Elas são importantíssimas para manter o sistema seguro contra ameaças e bugs.

  1. Tenha um bom sistema de resfriamento

Outra razão para o seu servidor travar é o calor. O fato é que máquinas aquecem, e quanto mais potentes elas forem, mais elas aquecerão. Com um servidor é ainda pior, pois a operação inteira do escritório depende da sua estabilidade. Por isso, para evitar que ele não superaqueça, invista em uma boa solução de refrigeração, como coolers potentes e um ambiente fresco e refrescado por um ar-condicionado.

  1. Preste atenção com a instalação de Hardwares

É preciso tomar cuidado com as peças de hardware que você instala no servidor, pois se elas forem incompatíveis, ou simplesmente forem mal instaladas, travamentos serão apenas uma das consequências. Se isso acontecer, remova a nova peça e veja se o travamento continua. Em seguida busque uma substituição adequada.

  1. Não deixe de investir em memória RAM

Se o servidor começar a travar em períodos regulares, o motivo pode perfeitamente ser insuficiência de memória RAM. Um servidor precisa de bastante memória RAM para ser capaz de lidar com todas as aplicações que ele estiver rodando ou os usuários que estiverem acessando-o. Também não custa nada verificar se a memória está bem instalada ou se ela não precisa de um pequeno reparo.

  1. Evite desconfigurar sua BIOS

Em muitas situações modificar as configurações da BIOS pode acabar resultando em congelamentos constantes. Se isso acontecer, acesso a BIOS e a reset para as configurações padrões. Também se certifique de que o firmware da BIOS está atualizado para evitar maiores problemas.

  1. A fonte de alimentação é importantíssima

Problemas relacionados a fonte do servidor podem ser causados quando a fonte em si não é potente o suficiente. E nesse caso não adiante ter um servidor com o melhor hardware, se a fonte não der conta do recado o computador pode travar.

Nesse caso também é importante que o servidor tenha no-break, assim caso falte energia no escritório, ele ainda conseguirá permanecer alguns minutos ligado, podendo assim ser desligado corretamente, evitando problemas com o desligamento incorreto.

  1. Cuidado com dispositivos externos

Por mais incomum que possa ser, dispositivos externos ligados ao computador podem perfeitamente serem a causa de travamentos e congelamentos. E entre esses dispositivos estão mouses, teclados, pen drives, HDs externos e o que mais tiver uma entrada USB. Isso acontece por algum defeito ou dos dispositivos, ou do sistema que não reconhece eles. Neste caso, a saída desconectá-los.

10. Não deixe de atualizar seus drivers

Todas as atualizações são importantes, mas a dos drivers é fundamental. Pois, digamos que você esteja querendo assistir algum vídeo, se o seu driver de vídeo não estiver atualizado, você certamente sentirá travamentos. E no caso do servidor é a mesma coisa. Se você não atualizar por exemplo os drivers do sistema operacional, do seu servidor, as chances de travamentos ocorrerão são enormes.

Sugestão de leitura:

E ai? Gostou das informações? Continue nos acompanhando para receber mais conteúdo como esse. Nos acompanhe em nossa rede social Facebook e Linkedin

Equipe Ciclum