Como ter um servidor estável em 7 passos

Como ter um servidor estável em 7 passos

janeiro 15, 2020 0 Por Consultoria Ciclum

Talvez um dos maiores problemas que uma empresa enfrente quanto a sua infraestrutura seja referente a estabilidade de seu servidor. Hoje em dia é quase praticamente impossível operar uma empresa sem um servidor que esteja funcionando com 100% de sua capacidade. O problema é que nós sabemos que nem sempre isso irá acontecer.

Existem muitas coisas que podem afetar a estabilidade de um servidor e você certamente não irá querer que isso aconteça com o seu. A prevenção, é claro, sempre é a melhor solução. Portanto, seguem agora os 7 (sete) passos para ajudar você a ter um servidor muito mais estável.

  • Backup não é opcional, é uma rotina
  • Atualizações são necessárias
  • Um bom hardware ajuda bastante
  • Saiba fazer um bom gerenciamento de recursos
  • Refrigeração é importante
  • Se proteja contra vírus
  • Acompanhamentos e diagnósticos

Backup não é opcional, é uma rotina

Pode parecer uma dica batida ou não muito criativa, ou talvez até não fazer muito sentido, já que a questão é a estabilidade do servidor, e não se ele está seguro. Correto? Mas é ai que você se engana. Um bom sistema de backup pode fazer toda a diferença.

E não apenas um bom sistema de backup, mas uma rotina diária de sua utilização. O motivo é simples. Um bom sistema de backup não fará você perder tempo com uploads lentos de arquivos, e tão pouco se preocupar se os arquivos foram copiados mesmo. (O que não de libera da obrigação de sempre checar isso!). E o fazendo diariamente você mitiga o trabalho e o torna mais rápido.

Atualizações são necessárias

Não postergue nenhuma atualização de sistema. Seja de servidor, de programas que você utiliza e, principalmente do seu sistema operacional. Ainda mais se você utiliza o Windows. Sem julgamento de valor em relação a sua qualidade, mas o fato de ele ser o mais famoso e utilizado de todos os sistemas, isso faz dele o alvo principal dos hackers.

E as atualizações servem justamente para garantir que todos os erros ou brechas de sistemas sejam consertados a tempo para evitar algum ataque que acabe roubando suas informações e prejudicando a estabilidade do seu servidor.

Um bom hardware ajuda bastante

O servidor é um computador e, por mais bem cuidado que ele seja, se ele não tiver capacidade operacional de lidar com os processos aos quais ele é encarregado, ele não funcionará com sua plena capacidade.

E para que isso aconteça é necessário que você atualize as suas peças. Pouca HD ou pouca memória RAM tornaram o seu funcionamento mais lento do que o esperado. Da mesma forma que um processador não muito adequado ou lento.

Saiba fazer um bom gerenciamento de recursos

Antes de você optar por uma upgrade no hardware, no entanto, é interessante verificar se os recursos do seu servidor estão de fato bem otimizados. Algumas aplicações podem estar mal codificadas ou desatualizadas e isso pode ser o motivo da lentidão.

Pode ser que você acabe precisando verificar o código e a arquitetura do banco de dados para saber com exatidão onde está o possível gargalo.

Refrigeração é importante

Computadores esquentam. E geralmente servidores podem esquentar ainda mais. E o problema disso é que, quanto mais quente um computador fica, maiores são as chances de ocasionar algum problema muito grave. E isso inclui até o derretimento de algum componente.

Justamente por isso você não deve jamais abrir mão de uma boa refrigeração. O próprio servidor em si deve estar localizado em um local arejado, de preferência com ar condicionado.

E bem, caso o pior aconteça, tenha sempre um extintor de pó químico para resolver o problema. Você não sabe a importância disso? Leia aqui.

Se proteja contra vírus

Se você quer que o seu servidor permaneça estável, não basta apenas ter uma boa máquina com um bom hardware. Você também precisa se resguardar. Mas se resguardar do que, exatamente?

De ataques hackers e vírus, pois se eles infectarem o seu servidor, você estará em grandes apuros, pois os danos que eles poderão causar podem ser incalculáveis. Será tempo e dinheiro jogado no lixo.

Bem, primeiramente, atitudes como:

  • Não abrir e-mails desconhecidos
  • Não baixar programas estranhos e maliciosos do tipo exe.
  • Não compartilhar suas informações pessoais com sites estranhos

São medidas fundamentais. Mas não são as únicas. Você também precisará de um bom antivírus. E quando se trata de antivírus você não deve optar pelas versões gratuitas, elas geralmente são bem falhas. Invista um pouco e compre um bom antivírus, você não irá se arrepender.

Acompanhamentos e diagnósticos

E por último e talvez mais importante, se você quer que o seu servidor ou banco de dados permaneça estável, você deve monitorar com cuidado o seu funcionamento. Acompanhando os dados de sua performance você poderá fazer uma comparação de históricos que servirá para traçar quais são os pontos que precisam ser ajustados.

Se você souber como o seu servidor está se comportando e onde ele está falhando, você não só poderá consertar o que há de errado, como também será capaz de prevenir contra futuros situações complicadas que tenham possibilidade de ocorrer.

Leia também:

Gostou desse artigo? Acompanhe a Ciclum nas redes sociais Facebook e Linkedin e fique por dentro das novidades do nosso blog.

Equipe Ciclum